Quem sou eu

Minha foto
Comunicadora, Professora, fotógrafa e Cinefila

sexta-feira, abril 27, 2012

Pílula da Felicidade


 (imagem:http://weheartit.com/entry/1776260/via/lars468)

O olhar inquieto
De quem busca um amor sincero
Carrega consigo
Buquês velhos
Bombons sortidos e mordidos
Palavras marcadas
Choros e cicatrizes.


Seu peito arranhado
Pelo vazio da noite
Olha para o céu;
Beija a face velha de sua mãe
E deseja 
Que seu futuro filho (Do ventre da futura mulher amada)
Seja igual a si mesmo.

E a mulher que amará
Estenderá a mão à sorte:
Ele a tomará por completo,
Como se fosse uma pílula
Da eterna felicidade.


4 comentários:

MaryNobre disse...

Cadê o botão de "curtir"??

Muito bom lindona!

Ariano disse...

Muito lindo, querida! :- D Continue escrevendo, exercitando, aprimorando. Leia, RELEIA, RELEIA e, na dúvida, releia de novo e revise português, acentuação, coesão e sentido.

A essência da sua poesia (suas emoções, suas ideias, suas intenções) é muito especial e merece um cuidado igualmente especial!

Beijos com carinho.

Poesias de uma Alma Apaixonada disse...

que lindo amiga paravbens .. só divulgar bastante vc vai ver

Por que você faz poema? disse...

Acho que preciso um pouco dessas pílulas...